REIKI uma Opção de Terapia para Cães e Gatos
15/07/2016
Se o Vira-Latas é o mais “amado”, por que é o que mais “sofre” com o abandono?
15/07/2016

Limpeza de Ouvidos e Glândulas Anais no Banho e Tosa

LIMPEZA DE OUVIDOS E GLÂNDULAS ANAIS NO BANHO E TOSA…

…NÃO MEXA NO QUE ESTÁ QUIETO!!!!!

Há muitos anos os cães e gatos vêm sendo submetidos a tratamentos estéticos. Alguns procedimentos são de extrema importância e têm evoluído ao longo dos anos, como por exemplo, o uso de xampus específicos para cada tipo de pele e pelagem, bem como hidratantes especiais.

Outros procedimentos, têm tido sua importância exacerbada, levando a um apelo chamativo ao cliente, que se acaba rendendo às práticas estritamente mercantilistas. Quem já não ouviu ou leu a seguinte frase em um banho e tosa ou pet shop: “limpamos orelhas e esprememos glândula”?

É preocupante o aumento de números de casos de doenças da orelha e das glândulas anais por conseqüência de más práticas, como o ato de “espremer” a glândula ou pelo “simples” ato de “limpar” os condutos auditivos com pinça e algodão. Muitos problemas poderiam ser evitados se estas duas atitudes não fossem tomadas.

Diferente do que se pensava até pouco tempo atrás, Glândulas anais e orelhas só devem ser mexidas caso já esteja instalado um processo patológico, que deve ser diagnosticado pelo médico veterinário através de otoscopia ou Oto endoscopia. Caso contrário, a única medida que deve ser aplicada para evitar doenças destes órgãos, é a colocação de algodão parafinado no momento do banho para evitar a entrada de água nas orelhas e nada mais.

Quando levar seu cão ao pet shop para banho, solicite que o tosador não limpe as orelhas, nem arranque pêlos da entrada das mesmas, pois este ato que é muito praticado, diria que em quase 100% dos banhos e tosas do Brasil, pode desencadear a doença da orelha. Também não se devem aplicar produtos para limpeza sem a orientação veterinária. Solicite também que não seja mexido nas glândulas anais.

Caso seu animal coce as orelhas, tenha mau cheiro, excesso de secreção ou dor, procure um médico veterinário para realizar exames prévios. Não medique seu animal por conta própria. A maioria dos medicamentos e produtos de limpeza pode provocar lesões neurológicas reversíveis ou não, caso a membrana timpânica esteja rompida e você não saiba.

Assim como os pediatras recomendam não limpar as orelhas dos bebês e das crianças, nós veterinários não recomendamos este procedimento nas orelhas dos cães e gatos, exceto em quadros patológicos instalados.

Não mexa no que está quieto!!! Isto pode ter conseqüências sérias!!!!

Fonte: http://www.amigoanimalveterinaria.com.br/index.phpoption=com_content&view=category&layout=blog&id=6&Itemid=4

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir WhatsApp
Posso lhe ajudar?
Olá, seja bem vindo(a) ao nosso site, fale conosco rapidamente através do WhatsApp clicando no botão abaixo: