O Microchip e sua Importância
12/02/2016
Banho e Tosa Mais Seguros no Paraná
19/02/2016

Depoimento: A Microchipagem e o Reencontro

Lembro-me como se fosse hoje, a angústia, a pressão no peito, o desespero e também a alegria. Era por volta das 17hs de 01 de maio de 2005 e havíamos acabado de retornar do passeio do Lago Di Garda. Levou mais ou menos uma meia hora para que déssemos pela falta de Dolly.

Depois que nos casamos, eu e Letícia, fomos morar na região do Trentino Alto Adge por conta de uma promoção que recebi na empresa onde trabalho, o que nos deu um bilhete de ida, sem volta, do Brasil para a Itália. Ali fizemos amigos, patrimônio e um lindo casal de filhos, enfim uma família.

yorkshire-terrierDolly apareceu inicialmente como um presente para Gabriela, nossa linda filha, a menor. Não demorou muito para que aquele serzinho espoleta de quatro patas conquistasse a atenção, o tempo e o coração de todos lá em casa e transformasse nossa família, pois Dolly não era uma cadelinha apenas, era uma verdadeira filha para todos nós.

As coisas ruins da vida, as tragédias, os incidentes, os acidentes, muitas vezes parecem coisas da televisão, de nós muito distantes. Muitas vezes temos a impressão de que somos imunes e que tais coisas acontecem com os outros apenas. Apesar de todos os cuidados nunca havíamos nos deparado com o sentimento da perda.

Sempre que saíamos nunca tirávamos os olhos de Dolly, mas naquela tarde ao voltar para casa, não sei por que nos descuidamos dela. Ela estava no carro com a gente. Até hoje ninguém entende bem como foi que ela desapareceu.

Quando Daniel, meu filho, chamou por ela e ela não apareceu, como sempre faz, começou uma onda de desespero, sofrimento e lágrima dentro de casa e, como quem procura uma agulha em um palheiro, vasculhamos os quarteirões vizinhos à nossa casa.

Depois de uns 40 minutos de procura, retornamos para casa e eu fui direto para o telefone. Disquei o número verde da seguradora, informei o código de registro da Dolly e o atendente foi catedrático em sua fala: – Em até quinze minutos nosso Call Center retornará o contato. Boa noite.

Assim como em vários países, aqui na Itália o uso é obrigatório em cães e gatos e muitos outros aderem ou estudam a possibilidade da sua utilização. O chip é como um grão de arroz e aqui é aplicado sob a pele. Em outros lugares a aplicação na pele é vetada, mas se utiliza aplicado na coleira.

Foram exatos doze minutos e meio de angústia e tensão até que o telefone tocasse novamente. Até hoje Letícia ainda se emociona quando repete a frase que ouviu do outro lado da linha: Sua pequena Dolly já foi rastreada, resgatada e nossa viatura já está se dirigindo para a vossa residência. Pense nos seis minutos mais longos da sua vida. Aqueles foram os nossos. Quando a campainha tocou éramos quatro correndo para abrir a porta.

Nunca agradeci tanto alguém em minha vida.

Vivemos naquelas horas os momentos mais angustiantes das nossas vidas, mas felizmente ela estava de volta. Um pouco suja, mas isso era coisa que um banho gostoso logo resolveria.

Além de conter todas as informações pessoais e médicas do animal, o chip contém os dados dos seus donos, e é rastreável via satélite, o que possibilita acesso ao histórico médico do animal, além da busca em casos de fugas, perdas ou abandono, o que causa multa e processo penal.

Espero nunca mais ter as sensações que tive naquele fim de tarde. Aonde vamos Dolly está sempre presente e mantemos os olhos atentos às travessuras daquela sapequinha. Cuidamos para que não aconteça novamente, mas se for esse o caso, estou seguro que o desespero e a angústia se darão somente até o toque da campainha.

Altamar Cezar

4 Comentários

  1. Gerson Ribeiro disse:

    Que história linda! Me emocionei. Eu não tenho animais, meu apartamento não permite, mas se tivesse certamente implantaria esse microchip.

  2. Cezar de Araujo disse:

    Qualquer instrumento que nos leva a ter um maior contrôle dos nossos amiguinhos, nos leva à uma maior tranquilidade, segurança e mais: contribuimos ativamente para a diminuição de animais abandonados pelas ruas e à diminuição de doênças, melhorando a qualidade de vida de todos, inclusive dos animais e do meio ambiente

  3. Cezar Augusto disse:

    Mas já temos este produto disponível no mercado brasileiro? Poderiam me informar onde?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir WhatsApp
Posso lhe ajudar?
Olá, seja bem vindo(a) ao nosso site, fale conosco rapidamente através do WhatsApp clicando no botão abaixo: